Legalizar o casamento gay pode ajudar a economia americana

junho 19, 2009

casalA legalização do casamento entre homossexuais nos Estados Unidos poderia injetar US$ 9,5 bilhões na economia americana, segundo cálculos do Williams Institute – da faculdade de Direito UCLA – publicados pela Forbes. Com base nas estatísticas dos estados americanos onde já é permitido o casamento entre gays – Massachussets, Connecticut, Maine, Vermont , Iowa e New Hampshire – o Instituto calculou que se a união homossexual fosse permitida em todo o país, metade dos casais gays se casaria em três anos. Esses casais, ainda segundo o Instituto, gastam cerca de 34% menos que os héteros na hora de se casar. Estimando-se que existam 780 mil casais homo nos Estados Unios – de acordo com o Censo – os cálculos são esses:

– O gasto médio com presentes é de US$ 113. Como um casal recebe cerca de 75 presentes, chega-se ao montante de US$ 8.475, valor que multiplicado por 406 mil casais (pouco mais da metade e supondo que os convidados sejam tão generosos como nos casamentos de heterossexuais) chega-se a um resultado de US$ 3,4 milhões

– Com a recepção e o bufê, a média de gastos é de US$ 11.863. Multiplicando esse valor por 406 mil casais – menos os 34% – chega-se a US$ 1,6 milhão

– Ainda há os gastos com lua de mel (US$ 694 milhões), fotografia e vídeo (US$ 554 milhões), joias (US$ 502 milhões) e alianças (US$ 444 milhões)

– Por último, com a música (US$ 313 milhões) e outros itens, como organizadores de casamento, cerimônias, vestidos, flores e transporte, chega-se ao total de US$ 9,5 bilhões

Que tal aprovarem logo essa lei em todo o mundo?

Anúncios

Uma vida inteira à venda

junho 23, 2008

Depois de descobrir que sua mulher estava apaixonada por outro, o britânico Ian Usher, de 44 anos e que vive na Austrália, decidiu vender tudo o que tinha e que o fazia lembrar-se da ex. Por isso pôs à venda sua casa de três quartos e dois banheiros, seu carro e sua moto. Além dos grandes bens, o inglês também quer se desfazer dos pequenos objetos que trazem à tona memórias de seu matrimônio, como equipamentos de mergulho e uma bicicleta. Todos os itens estão à venda num grande pacote no site de leilões eBay e mais detalhes dos bens podem ser vistos no site que ele montou. O leilão termina no dia 29 de junho e nesta segunda o lance mais alto era de mais de R$ 400.000. Com o dinheiro ele pretende ir ao aeroporto munido de seu passaporte e viajar para alguma parte, segundo reportagem do jornal El País.


Os relacionamentos acabam e as jóias viram dinheiro

maio 8, 2008

O namoro, noivado ou casamento acabou. O que fazer com aquelas jóias que você ganhou? Usá-las? Tem gente que não quer, afinal elas trazem à tona memórias que ficariam muito melhor guardadas em algum cantinho qualquer. Para dar fim a esses valiosos pertences, surgiu o site www.exboyfriendjewelry.com (jóia do ex-namorado). Três meses depois do lançamento o site já conta com 3.000 usuários registrados e mais de 600 ofertas de diferentes tipos de jóias. Algumas das peças têm até um breve descritivo, contando uma história pessoal. Uma das fundadoras da página diz, no próprio site, que a idéia de montar o negócio surgiu quando ela procurava onde revender um conjunto de jóias que ganhou em seu casamento após o divórcio.