As cifras astronômicas dos jogadores de futebol

março 30, 2009

beckham

O inglês David Beckham é o jogador de futebol mais bem pago do mundo, segundo a revista France Football. Ele recebe 32,4 milhões de euros por ano entre salário e outras remunerações. Em seguida aparecem o argentino Lionel Messi, do Barcelona, que recebe 28,6 milhões de euros anuais, e o brasileiro Ronaldinho, com 19,6 milhões de euros. Pela quarta vez seguida Beckham aparece no topo da lista, elaborada desde 1999. Completam o ranking: o português do Manchester United, Cristiano Ronaldo (18,3 milhões de euros), o francês que atua no Barcelona, Thierry Henry (17 milhões de euros), o brasileiro do Milan Kaká (15,1 milhões de euros) e o sueco da Inter de Milão Zlatan Ibraimovic (14 milhões de euros).


Uma soneca na cama de Saddam por US$ 200

março 27, 2009

cama1

Dormir na mesma cama que usava Saddam Hussein pode não parecer uma ideia muito agradável, mas já está à venda, por US$ 200, uma noite no mesmo local onde dormia o ditador iraquiano. Jornalistas têm desconto especial e pagam apenas US$ 25. A cama de Saddam virou atração turística desde que as autoridades locais decidiram abrir ao público as portas do palácio de Saddam Hussein.


Destampe a felicidade

março 25, 2009

Este comercial da Coca-Cola na Espanha não tem nada de bizarro nem de curioso, mas achei tão bonito que resolvi compartilhá-lo. Trata-se de uma história real na qual Josep Mascaró, um espanhol de 102 anos de idade, visita Aítana Martínez, um bebê de apenas duas horas. Neste encontro, Josep diz que muitos diriam ao bebê que isso não é hora de nascer, por conta da crise e do momento difícil que o mundo enfrenta agora. Só que com base em toda sua experiência de vida, Josep diz a Aítana para que não se preocupe, porque ele mesmo já viu períodos muito mais complicados. No fim, diz ele, só restam as lembranças dos bons momentos.

Fica a mensagem: procure o que te faz feliz! A vida é curta!


28% dos desempregados na Espanha não querem trabalhar

março 25, 2009

work

O nível de desemprego na Espanha é o mais alto desde 1996. Só que nem todos os espanhóis estão dispostos a aceitar qualquer tipo de trabalho para voltar a ter um salário. O estudo El impacto de las nuevas formas de trabajo en las estructuras familiares, elaborado por Más Familia, KPMG e Adecco, com o apoio do Ministério da Educação e Política Social, mostra que as três principais razões para que uma pessoa não exerça uma profissão são: não encontrar um emprego com um horário que permita dar atenção também à família (34%), não querer ou não precisar trabalhar (28%) e não encontrar trabalho (15%). Para os entrevistados, a solução estaria no tele-trabalho ou numa jornada menor, entre seis e oito horas por dia, segundo o jornal El Economista.


Desempregados têm desconto especial na conta de telefone

março 17, 2009

telefoneO presidente da Telefónica na Espanha, Guillermo Ansaldo, anunciou que os clientes da companhia que estão desempregados terão um desconto de 50% na conta de telefone celular e fixo até o valor máximo de 20 euros por fatura. A benevolência da empresa vale para os clientes que estão há pelo menos seis meses com a Telefónica. Além disso, também por conta da crise econômica e do desemprego que afetam os espanhóis, a empresa vai lançar uma nova linha sem taxa de inscrição e com consumo mínimo de 14 euros por mês, segundo o jornal 20 Minutos.


Dá-lhe imposto no chocolate

março 12, 2009

chocolateUm médico escocês propôs aumentar a carga de impostos sobre a venda de chocolate, assim como já se faz com bebidas alcoólicas e cigarro. O objetivo do doutor é combater o aumento da obesidade e os casos de diabete no Reino Unido. Se a proposta for aceita, os britânicos terão que pagar mais caro pelo doce nosso de cada dia. Em reportagem do jornal 20 Minutos, o médico David Walker disse que o chocolate se tornou vício para muita gente.


O vaso sanitário repaginado

março 10, 2009

wc

É possível recriar um vaso sanitário? Eu nunca tinha pensado sobre isso, mas achava que não. Lendo uma reportagem da SuperInteressante deste mês vi que é, sim, possível dar nova cara à tradicional privada. Um dos troninhos da reportagem, fabricado pela empresa japonesa Toto, tem música. A peça sai de fábrica com 18 sons da natureza, entre eles o canto dos pássaros, mas é possível carregá-la com músicas MP3. O seguinte trono, da americana Kohler, dispensa o uso de papel higiênico. Para limpar-se, basta acionar os jatos de água morna e o sistema de secagem. O terceiro vaso sanitário, da EcoJohn, não consome água, pois incinera o xixi e o cocô. A quarta e última privada desta lista é da BioCompact. A empresa desenvolveu um vaso sanitário de avião para ser usado em casa. O sistema à vácuo suga os excrementos e os joga no esgoto usando apenas 0,8 litro de água por descarga, contra oito litros de uma privada comum.